Sobre a Camila Quintana - Assessoria de Eventos

A Cerimonialista Camila Quintana é graduada em Comunicação Social - Bacharelado em Relações Públicas pela Unisinos. Concluiu o curso com Distinção com a abordagem do tema "Crise de Imagem de Pessoa Pública" baseado no case de Ibsen Pinheiro. Entre 2008 e 2010 trabalhou na área de Atendimento ao Cliente na empresa Claro. Posteriormente atuou na Central de Eventos na tradicional Associação Leopoldina Juvenil de Porto Alegre e no Clube do Comércio,junto à Barcelos Gastronomia, tendo ainda passagem como Coordenadora de Eventos no SESC Campestre. Após adquirir amplo conhecimento no âmbito de eventos, sentiu necessidade de atender seu cliente de forma personalizada e da forma que acredita ser um evento: "Fazer evento é aproximar pessoas, compartilhar momentos... é encantá-las e fazê-las felizes!" Desta forma, nasceu a Camila Quintana - Assessoria de Eventos que hoje conta com uma equipe permanente de 9 profissionais capacitados em eventos o que nos permite manter sempre o mesmo padrão de qualidade e exigência. Sejam Bem-Vindos a este mundo de sonhos!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

O orçamento

É normal querermos fazer uma festa e toparmos com o problema do orçamento. Isto não deve ser vergonha para ninguém e não deve existir este tipo de constrangimento na relação cliente x cerimonialista.
Cabe ao cerimonialista adequar as necessidades dos clientes ao orçamento disponível. Neste ponto, cabe também ao cliente entender determinadas limitações e às vezes a necessidade de abrir mão de alguns detalhes.
Quando vamos fazer um evento, esta organização deve ser feita em equipe. A relação entre o contratante e o contratado deve ser honesta e porque não amiga, afinal, a convivência e a importância da confiança mútua é indispensável.
Alguns pontos são importantes para manter um bom orçamento, fora os custos do cerimonial em si, serão avaliados outros quesitos que farão parte do evento como local, alimentação, bebidas, decoração, som, etc.
A escolha do local é importante e deve ser feita o quanto antes para que as demais questões possam se alinhavar a partir daí. A maioria dos locais já conta com econômato próprio, então, na hora de esolher o salão há que se observar o cardápio que é o que geralmente, mais onera um evento.
Escolhido o local e o cardápio, dependendo do ambiente escolhido, pode-se investir menos em decoração e de repente contar mais com uma boa iluminação. Isso irá depender das condições do local escolhido, bem como o que o cliente deseja para sua festa. Se desejar utilizar flores, com certeza teremos um investimento maior, mas também é possível jogar com gêneros de flores mais baratos.
Hoje é possível parcelar muita coisa em festas, dependendo da relação que se tem com os fornecedores.
O importante também para não se ter problemas no orçamento é que todos os serviços contem com contratos assinados por ambas as partes, bem como nota fiscal ou recibo.
Quem pretende fazer um evento tem que levar em consideração um valor sempre um pouco a mais do programado, até para poder "brincar" um pouquinho mais com sua festa.
Economizar em comida nunca é o melhor caminho. Denigre muito o evento.
Se o orçamento for muito apertado, opte por um evento mais íntimo que atenderá todos os seus convidados com boa qualidade. Há muitas opções para os mais diferentes tipos de investimentos, tudo é uma questão de negociação.